Como Aumentar a Disposição?


Texto por: Felipe Bruel | Fotografia: Snapwire




A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou que estamos vivendo a década do envelhecimento saudável (2021-2030). Durante esse período, cientistas e grupos de pesquisa estão trabalhando em colaboração com o objetivo de acumular conhecimento na área de antienvelhecimento. Atente que este termo não significa parar de envelhecer. Significa envelhecer de maneira saudável.

As primeiras coisas que vêm à mente quando o assunto é envelhecer com saúde são: tecnologia avançada, pílulas milagrosas, remédios de última ponta, procedimentos cirúrgicos/estéticos modernos e terapias que evitam o envelhecimento do DNA humano. Definitivamente todas as tecnologias e procedimentos estão em desenvolvimento, mas eles ainda são pouco promissores.


A terapia mais promissora está longe de ser algo glamourosa, custosa e elitizada.

O que foi identificado como sendo a substância mais fundamental e indispensável para envelhecer de maneira saudável é a água. Sim, a água. A simples molécula, conhecida como H2O.


A água permeia toda a vida no planeta terra. Ela é a fonte da vida. As plantas nascem, crescem e frutificam graças ao papel fundamental da água. O próprio ar que respiramos é formado a partir da água.

Vamos nos lembrar da biologia ensinada no ensino fundamental. As plantas absorvem o gás carbônico (CO2) produzido pela respiração dos animais e liberam oxigênio (O2) para a atmosfera. Esse processo somente é possível na presença da água. Sem água, a planta não produziria oxigênio e os animais, incluindo os seres humanos, não sobreviveriam.

Ainda é possível descrever sobre a importância da água no processo de formação de um feto dentro do ventre de uma mulher. Mas, acho que já deu para entender o quanto a água tem uma relevância inestimável na vida de todos os seres vivos.


Voltemos ao envelhecimento saudável. A água é a principal molécula responsável por ajudar o organismo humano a se manter vivo e saudável. Ela é responsável por centenas de funções no corpo humano. Ela é muito mais do que um solvente universal.

Pense no seu sangue. Ele um líquido viscoso composto por 55% de água que precisa dessa quantidade de água para ajudar a solubilizar e entregar nutrientes, hormônios e oxigênio para todos os tecidos do corpo. Se o sangue ficar mais viscoso (por desidratação), essas substâncias não conseguem ser entregues ao tecido. O resultado é enfraquecimento dos tecidos levando à perda de função e enfraquecimento.

Deixe-me dar um exemplo mais fácil de entender. Se uma pessoa toma menos água do que o necessário, o sangue se torna mais viscoso. Com isso, menos nutrientes, hormônios e oxigênio chegam ao cérebro. O resultado é memória fraca, baixa capacidade de atenção e de aprendizado, sono ruim e assim por diante.


Não é à toa que a desidratação é a causa número um de demência senil. A falta de água no sangue dificulta a entrega dos nutrientes necessários para os neurônios causando a morte deles. Com o passar os anos, o cérebro atrofia resultando em demência.

Agora, pense o que pode acontecer com seus músculos, seus ossos e seu fígado caso o sangue se torne mais viscoso por desidratação. O resultado não é bom, definitivamente.

Outra função muito importante é de hidratação tecidual. A água tem o papel de manter os tecidos e as células hidratadas. Existem espaços microscópicos entre as células e entre os tecidos do corpo. Esses espaços devem ser preenchidos por água.

Esse preenchimento é importante para manter o bom funcionamento das células e dos tecidos. Caso contrário, eles perdem a função. O exemplo mais fácil de abordar é pele e cabelos. A água é indispensável para se ter uma pele saudável.

Vamos pensar em um bebezinho. Sua pele é tão sedosa, macia e não tem rugas. O motivo disso é a hidratação da pele. O corpo de um bebe é composto por 80% de água. Já se compararmos com um idoso, seu corpo é composto por 55% de água. Perceba a diferença de água e a diferença entre a qualidade da pele.


O mesmo pode ser dito dos cabelos. Quando o corpo está bem hidratado, as moléculas de água ajudam na formação do cabelo. Já quando o corpo está desidratado, não há muitas moléculas de H2O para ajudar, por isso o cabelo fica mais quebradiço e ressecado.

Uma função pouco comentada, porém, uma das funções mais vitais da água no corpo humano é a produção de bioenergia. É de cunho popular que comemos para ter energia. Você come uma banana, por exemplo; ela é digerida no seu intestino e absorvida como glicose no seu sangue. Essa glicose vai ser usada para produzir bioenergia pelas células. Essa informação é de conhecimento geral das pessoas. O que é pouco divulgado é a importância da água nesse processo de bioenergético.


O corpo humano somente consegue extrair energia dos alimentos ingeridos na presença de água. Literalmente, a molécula H2O participa ativa e diretamente no processo de transformação da comida em bioenergia.

Por isso, pessoas desidratadas sentem-se mais cansadas e fadigadas. Claro, sua capacidade de produção bioenergética está incompleta pela falta de água.


Ainda é possível mencionar rapidamente o quanto a água é importante para a saúde das articulações. Sem água, a cartilagem das articulações se resseca tornando-a susceptível a artrose.


O tubo digestório (composto por estômago e intestinos) depende de água para digerir, absorver nutrientes, formar e eliminar o bolo fecal. Por isso, pessoas desidratadas têm dificuldades para digerir e tornam-se pessoas com fezes ressecadas e constipadas.

Todas essas (e muitas outras) funções dependem da presença de água em quantidade adequada. Com isso, foi constatado que a hidratação melhora o metabolismo do corpo humano resultando no envelhecimento com saúde.


O Quanto Devo Beber?

Agora, vem a pergunta: quanta água uma pessoa deve ingerir por dia? A resposta para essa pergunta é um pouco mais complexa do que parece.

Alguns dizem que o ser humano deve tomar 2 litros de água por dia. Será mesmo? Uma mulher idosa de 50kg deve tomar a mesma quantidade do que um homem adulto de 88kg? Percebe que a quantidade de água deve ser individualizada?

A ciência traz diferentes maneiras de calcular o quanto cada pessoa deve tomar de água. O cálculo mais simples é multiplicar o peso corporal de uma pessoa pelo número 30.


O entendimento disso é simples: o corpo humano precisa de 30ml de água para cada quilograma de peso. Por isso, uma pessoa de 80kg de peso deve tomar 2.400ml (80kg x 30ml) de água. Uma pessoa com 65kg de peso deve tomar 1.950ml (65kg x 30ml) de água.


Esse cálculo não é exato, pois pode depender de outros fatores como nível de atividade física, nível de transpiração e temperatura ambiente. Porém, esse cálculo já torna mais fácil estimar uma quantidade média de consumo de água diariamente.

Agora que você já sabe como calcular a quantidade ideal de consumo de água diária, agora é importante saber como tomar essa água. Pois não adianta você tomar tudo de uma só vez.


É importante tomar água ao longo do seu dia. Por exemplo, você pode dividir o seu consumo de água em seis momentos do seu dia. Se você precisa tomar 2.100ml de água, você pode tomar seis medidas de 350ml de água ao longo do dia.

Algo básico, porém muito importante a ser comentado é em relação à pureza da água. Tomar água com impurezas pode fazer mais mal do que bem. O ideal é tomar água mineral, água de fonte ou água filtrada. Água de torneira é problemática. Apesar de não conter parasitas, ela contém diversas toxinas.

O cloro e o flúor são substâncias potentes no que se refere à matar parasitas na água. Porém, elas causam disfunções hormonais no corpo humano. Sendo assim, deve ser evitado. Perceba que água é vida, mas se tomada com contaminantes, ela pode causar doenças e levar ao envelhecimento precoce.

Se você deseja ter uma vida longa e repleta de energia, vigor, disposição e saúde, então não deixe de se hidratar corretamente! Algo tão simples como a água pode ser a diferença entre a saúde e a doença.


 

Felipe Bruel é médico. Casado com Priscila, pai do Miguel. Escreveu para o volume 01 da Revista CULTIVAR & GUARDAR. Serve na Família dos que Creem, em Curitiba, PR.